Seguidores

sábado, 16 de janeiro de 2010


Lua

Lua clara, clareia a noite
E pela janela clareia meu quarto
Clareia a cidade que dorme
Só não clareia minha alma
Absorta em sombras
Sofrendo de um mal sem cura
Sem remédio, sem salvação
Quisera ter apenas um sorriso teu
Para me tirar desta escuridão.
♥ Geninha ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário