Seguidores

domingo, 28 de novembro de 2010

Depois da tempestade,
sinto o vento fresco da
liberdade que levemente
me acaricia. Adoro ficar
assim,alma livre,
feito sabiá.

Geninha®

Nenhum comentário:

Postar um comentário