Seguidores

domingo, 3 de abril de 2011

Saudades

Em meu desespero clamei por ti.
Ah! Que bom seria se estivesses aqui.
Mas tem coisas que até mesmo amor
desconhece.
E afogada neste mar de saudades tua,
passo os dias pedindo aos céus que te
traga de volta para o calor do meu abraço.
Geninha®

Nenhum comentário:

Postar um comentário