Seguidores

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Sem Saber

Vivo com o peito apertado
Com um sentimento sem noção
Sonho sempre contigo
Acordo chorando sem saber
O que me faz sentir assim
Tudo passou
Só seu desprezo restou
Então me pergunto toda hora
Porque ainda vives em mim
Porque ainda estás aqui comigo
Presente em tudo que faço e penso ?
Isto só me faz ter cada dia
A forte certeza
Que és meu amor eterno
Minha alma gêmea
Longe dos meus olhos
Mas dentro do meu coração.
Geninha®

Nenhum comentário:

Postar um comentário