Seguidores

domingo, 21 de agosto de 2011

Raridade

Ele não soubera dar valor,
não entendera.
Era ela a mulher da sua
vida, aquela que ele um
dia idealizara.
Era ela, simples e doce
feito mel de flores de
laranjeira.
Rara, muito rara !
Geninha®

Nenhum comentário:

Postar um comentário