Seguidores

sábado, 3 de dezembro de 2011

A Saudade e a Rosa

Sobrou daquele amor, apenas
uma rosa,que beijaste e me deste.
Como se faz os enamorados eu a
guardei,entre páginas de um velho
livro que há muito eu não abria.
Mas a saudade chegou demente e
de súbito o abri,a rosa continuava
ali,ainda não havia murchado.
Assim como meu amor por ti.
Geninha®

Nenhum comentário:

Postar um comentário