Seguidores

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Se sentir saudades,me liga.
Me chame à qualquer hora, não se
importe se for de madrugada.
Durmo sempre pensando em ti ,
se me ligares saberei que estás
também pensando em mim.
Geninha®

Um comentário:

  1. “Nem a solidão toda a tua ausência pode (...),

    nem toda uma saudade o lembrar justifica

    - é mais do que um (auto)expressar-se da memória,

    é mais do que uma doença psicossomática,

    o asfixiante nó que, nevrálgico, explode

    diante do aborto cirúrgico da história!”

    Patogenia de uma Ausência, O Todo Essencial, Universitária Editora, Lisboa, Portugal]

    ResponderExcluir