Seguidores

terça-feira, 18 de maio de 2010

Diante do amor

Somente diante do amor
Me curvo
É este sentimento que me move
Me deixa forte,me faz viver
É bálsamo para minha dor
É consolo para minha solidão
Amor, terno amor
Que me invade por inteira
E me dá a certeza
De que amar sempre vale a pena.
Geninha®

Nenhum comentário:

Postar um comentário